Caldinho de congro do Pablo Neruda

caldo de congro rosa

O caldo de congro rosa é uma receita típica chilena que virou uma receita típica chilena famosa por causa de uma poesia de Pablo Neruda.

É uma receita muito saborosa e cheia de história pra contar.
Faça, conte a história, leia a poesia.
Tenho certeza que será uma refeição muito especial!


A receita do caldo de congro rosa pode sofrer pequenas mudanças de acordo com a localização do Chile em que é preparada, mas a essência dela é a mesma em todos os cantos do país.

Na minha, eu preparei uma versão que leva bastante creme de leite, mas você pode usar a metade do que indico caso prefira uma sopa mais vermelha.

Aproveite os últimos dias de inverno para preparar esse caldinho muito especial.

caldo de congro rosa receita


caldo de congro rosa



Ingredientes:

- 800g a 1kg de filé de congro rosa;
- 1L a 1,5L de caldo de peixe caseiro ou água;

- 3 colheres de sopa de azeite;
- 1 cebola grande em meia lua;
- 2 tomates grandes em meia lua;
- 3 dentes de alho espremidos;
- 1 pimentão vermelho médio em tirinhas;
- 1 cenoura média em meia lua;
- 3 batatas médias em cubos grandes;
- 1 pitada de orégano;
- 1 pitada de páprica picante;
- 2 colheres de sopa de extrato de tomate;
- sal a gosto;
- coentro picadinho a gosto;
- 100g de creme de leite fresco.

receita de caldo de congro rosa


Modo de fazer:

- em uma panela larga, coloque o azeite, a cebola, a cenoura e o pimentão e leve ao fogo médio mexendo sempre até que o pimentão murche;

- acrescente o alho, o tomate, o orégano e a páprica e continue mexendo até que o alho dê uma leve dourada;

- acrescente o extrato de tomate, o sal, as batatas e o caldo de peixe (ou água) e deixe cozinhar por 10 minutos depois que levantar fervura. Mantenha a panela aberta para não acumular mais água;

- acrescente o coentro e o peixe e mexa delicadamente para acomodar tudo na panela. Deixe cozinhar por mais 10 minutos ainda com a panela aberta;

- coloque o creme de leite, misture com muito cuidado, desligue o fogo e sirva imediatamente.


Acompanhamentos:

- pães e torradas e nada mais.


caldo de congro rosa pablo neruda

Nenhum comentário:

Postar um comentário